Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

"Sofística, retórica e filosofia: os limites de uma separação".

Docente(s) responsável(is): 
Adriano Machado Ribeiro
Ementa: 

Estuda-se a contraposição entre a prática discursiva dos denominados sofistas do V séc. a.C. à produção de Platão e Isócrates no IV a.C., visto que estes dois últimos designem sua atividade como philosophía, contraponde-se aos que por eles são designados como sophistaí. Sendo assim, a partir da análise dos textos de tais autores, cabe verificar as implicações éticas e políticas que decorrem em termos de ensino e atividade em vista da melhor conduta na pólis, buscando, pois, as conseqüências daí derivadas, escrutinando as diferenças teóricas e discursivas que tais práticas implicam. Em particular, verificar-se-á o estudo desse funcionamento no Elogio de Helena e a Apologia de Palamedes de Górgias; a Apologia de Sócrates e o Górgias de Platão; o Elogio de Helena e Antídosis de Isócrates.

Créditos: 08

Duração: 12 semanas

Credenciamento: 
27/11/2008 - 27/11/2013
Linha de pesquisa: